19.10.05

SURREALICES

Depois de toda essa discussão sobre SIM ou NÃO, deixo de lado esse meu lado politizado e me peguei rindo, chegando a gargalhar aqui no trabalho...

A cena aconteceu há uma semana, numa dessas minhas viagens a BH.

***Bom, lembramos que daqui pra frente nomes e situações poderão ser levemente alteradas e/ou ocultas visando manter a integridade de alguns envolvidos***

Imaginem, eu, esse meu amigo (João), um amigo dele (Leopoldo), mais dois caras, que conhecemos no lugar, rindo muito, preparando-se para uma foto que uma amiga (Beatriz) iria tirar.

Estamos de frente a namorada de Leopoldo, que chamaremos de Leopolda, e um cara (Mr. ?), sua esposa (sra. ?) e um monte de pessoas.

Todos se preparam para o clique e, segundos antes do "X", eis que o sr. ?, do nada, PATOLA o João, na cara-de-pau, na frente da esposa, na frente de todos e ainda solta algo do tipo: "Uia!".

Eu tava me preparando e vi a cara de assustado do João e a cena no ato. Mas achei que fosse algum golpe de vista, afinal, não rolou nada, a Beatriz tava tirando a foto e não comentou nada...

Na cena seguinte, Leopolda está vermelha, já quase roxa, de tanto rir. Ela também tinha visto.

João, indignado, se retirou com Beatriz e contou pra ela. Eu cheguei depois e confirmei o fato! Era o que eu tinha visto mesmo!

Sr. ?, na cara-dura, como se nada tivesse acontecido, levantou-se, pegou sua esposa e foi embora!

A nós só restou a gargalhada e a história que até agora me causa gargalhadas num momento como esse, durante a tarde no trampo!

Ao som de O Pobre, do Leo Jaime, no meu inseparável iPod, pois não aguento mais ouvir Twisted Nerve nos celulares!

2 comentários:

Kleine disse...

hehehehehehee é só o que tenho a dizer! hehehe

"Beatriz" disse...

HAHAHAHAHA!!!!!!!!!!!!!!Adorei, melhor que presenciar o fato, só essa descrição tão rica em detalhes. Esperamos que mais eventos surreais enriqueçam nossas madrugadas!!!!!!